MAIO COM MARIA: Dia 08 - Grandeza de seu amor para conosco

sexta-feira, 8 de maio de 2015

Coração Imaculado de Maria


E porque todos os homens foram remidos com o sangue de Jesus, por isso Maria a todos ama e favorece. Viu-a S. João vestida de sol: Apareceu também um grande sinal do céu, uma mulher vestida de sol (Ap 12, 1). Pois assim como não há na terra quem se possa esconder do calor do sol, assim também nela não há vivente que seja privado do amor de Maria, escreve o Abade de Celes.

"Não há quem se esconda de seu calor" (Sl 18, 7), isto é, da chama de seu amor. Pergunta aqui S. Antonino: Quem será capaz de compreender a solicitude do bem querer de Maria a todos nós? Por isso a todos oferece e dispensa a sua misericórdia. Nossa Mãe sempre desejou a salvação de todos, e sempre para ela cooperou. Afirma-o também S. Bernardo com as palavras: É notório que Maria foi solícita para com todo o gênero humano. É, portanto, muito recomendável a prática de alguns devotos de Maria, os quais, como refere Cornélio a Lápide costumam pedir ao Senhor lhes conceda aquelas graças, que para eles lhe pede a Santíssima Virgem. E com razão, diz o citado a Lápide, pois a nossa Mãe deseja-nos bens maiores do que nós mesmos poderíamos desejar. O devoto Bernardino de Busti afirma que Maria deseja fazer-nos bem, e conceder-nos favores, ainda mais do que nós desejamos recebê-los. Aplica-lhe por isso S. Alberto Magno estas palavras da Sabedoria: Ela se antecipa aos que a desejam e se lhes patenteia primeiro (Sb 6, 14). Antecipa-se Maria a quantos a ela recorrem, para que a encontrem antes que a busquem. É tal o bem-querer alvoroçoso desta Mãe, diz Ricardo, que vem logo ao nosso socorro, mal descobre as nossas precisões. Tão boa Mãe é, pois, Maria para todos, até para os ingratos e indiferentes que pouco a invocam e amam! Que Mãe será então para aqueles que a amam e com frequência a invocam? "Facilmente é achada pelos que a amam" (Sb 6, 13)

Oh! Quanto é fácil, continua S. Alberto Magno, àqueles que amam a Maria, o achá-la e achá-la toda cheia de piedade e de amor! "Eu amo aos que me amam" (Pr 8, 17). Ela protesta que não pode desamar a quem a ama. E ainda que esta amantíssima Senhora ame a todos os homens como seus filhos, contudo, diz S. Bernardo que sabe reconhecer e preferir os que com mais ternura a querem. Esses ditosos servos não só dela são amados, mas também servidos, assevera o Abade de Celes.

A Crônica da Ordem Dominicana conta-nos que o irmão Leodato de Montpellier usava recomendar-se duzenta vezes por dia a essa Mãe de Misericórdia. Jazendo ele moribundo, apareceu-lhe uma bela rainha e assim lhe falou: Leodato, queres morrer e vir para junto de meu Filho e de mim? Quem sois vós? - perguntou-lhe o religioso. - Sou, respondeu ela, a Mãe de Misericórdia; invocaste-me tantas e tantas vezes! Agora venho buscar-te para ires comigo ao céu. Faleceu Leodato nesse mesmo dia e com a Virgem seguiu, como esperamos, ao reino dos bem-aventurados.

*Grifos meus.


(Livro: Glórias de Maria - Santo Afonso Maria de Ligório)
Compartilhe este artigo :

0 comentários:

Deixe seu comentário

Diga-nos o que voce está pensando... !

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2011. Vas Honorabile - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Inspired by Sportapolis Shape5.com
Proudly powered by Blogger