“O Senhor está contigo”

quinta-feira, 22 de maio de 2014

“O Senhor está contigo”(1)

Depois de ter reconhecido a perfeição Imaculada que habita em ti, Maria, o anjo Gabriel declara que o Senhor te faz companhia, que nunca deixou nem deixará de estar contigo: Deus estabeleceu uma aliança definitiva.

O Senhor estêve contigo, desde que começaste a existir. Com que solicitude velou por ti! Não te deixou sozinha um só instante, e, nos mínimos detalhes, organizou secretamente tua existência, sem que tu mesma o soubesses. Nada aconteceu em tua vida que não tivesse sido cuidadosamente calculado pela sabedoria divina. O que poderia parecer acontecimento súbito e imprevisto, fôra preparado, na sombra, pela Providência; o que se poderia chamar de simples acaso eram outras tantas atenções especiais, porém veladas, do amor divino.

Assim, o Senhor estêve contigo na mais profunda intimidade até o momento presente. Ele te envolveu em sua bondade paterna; teceu tua existência com suas graças. Quis acompanhar todos os passos de tua vida; dirigiu teus pensamentos todos, inspirou todos os teus afetos, suscitou tôdas as suas decisões. Esteve sempre a teu lado, no teu caminho, para te guiar e proteger. Não eras o tesouro mais precioso que o Senhor possuía na terra? E não colocara Ele em ti a esperança de salvação da humanidade?

Foi, pois, o Senhor que, com sua mão amorosa, te conduziu a essa manhã da Anunciação. Ao olhar-te, o anjo Gabriel não te via sozinha, como parecias estar. Mas via Deus bem perto de ti, inseparavelmente a ti unido. Tu mesma, embora crendo na presença divina, não podias imaginar até que ponto o Senhor estava associado À tua existência. O anjo se extasia diante dessa proximidade invisível de Deus. Deus tão grande ao lado de uma criatura, aparentemente, tão pequena.

As palavras “O Senhor está contigo” exprimem admiração, mas também te dão apoio para o futuro. O anjo te quer fazer compreender que nada tens a temer. Quer envolver-te num empreendimento grandioso: a Encarnação do Filho de Deus. Com efeito, vai anunciar-te que foste escolhida para seres a Mãe do Messias. Ao anúncio de tão grande destino, poderias recuar, indagando de ti mesma se serias capaz de receber tal encargo, de desempenhar dignamente papel tão importante. De repente, ofereceram-te tanta grandeza, que, em tua humildade, poderias julgar-te muito fraca e por demais pequena para aceitá-la. Ser mãe do Messias era a máxima honra que podia ser conferida a uma judia; ao mesmo tempo, era imensa aventura, um salto no desconhecido.

Para que não recuasses diante dessa proposta tão grandiosa, o anjo avisa que nunca te faltará a assistência necessária para o cumprimento desse encargo: o Senhor, que está contigo, sustentar-te-á. Não estarás só nessa aventura. Bastar-te-á seguir o Senhor, deixa-te guiar por Ele. Todos os obstáculos, todas as dificuldades se aplainarão sob as pegadas do Senhor.

Outrora, Deus respondera a Moisés, que se julgava incapaz de executar a missão de libertar os filhos de Israel do domínio egípicio: “Eu estarei contigo...”. No momento de empreender a libertação da humanidade do jugo do pecado, ele pede tua colaboração, Maria, mas, em primeiro lugar, garante que estará contigo. Mais ainda do que com Moisés, Deus estará contigo para que possas desempenhar tua missão. Essa promessa divina te exorta a considerar o misterioso futuro com inabalável confiança e invencível otimismo.

Já que o Senhor está contigo, realizarás as maravilhas para as quais te chamou. Nada poderá fazer parar o teu vôo. O Senhor te concederá que sejas para o Messias a Mãe ideal e sua perfeita colaboradora na obra da Salvação.

Essa palavra, dirigida pelo anjo nesse momento único de tua vida, te foi de grande conforto. Depois da Anunciação, deves tê-la repetido frenquentemente. Cada vez que uma dificuldade se apresentava, a voz do anjo ressoava de novo em tua memória: “O Senhor está contigo”. Protegida por essa palavra, podias prosseguir. Quem tem consigo o Senhor, de tudo é capaz.

Nós também temos necessidade de ouvir essa palavra. Não recebemos missão tão grande quanto a tua. No entanto, Deus nos pede grande coisas. Uma vida cristã, com o testemunho apostólico que exige, ultrapassa as forças humanas. Recuaríamos diante das exigências do Cristianismo, se não houvesse uma voz que dissesse a cada um de nós: “O Senhor está contigo”.

Essa voz é a tua, Maria. Gostas de nos repetir o que te disse o anjo. Conhecedora de todo o valor dessa promessa divina, tu nos asseguras que é válida também para nós. Assim como foste fortificada em tua experiência terrestre pela garantia da presença de Deus, queres fortalecer nossa coragem, lembrando-nos dessa garantia. Tu nos declaras que o Senhor está, sempre esteve e estará ao lado de cada um de nós.

Com muita facilidade nós nos esquecemos dessa companhia de Deus. Temos a impressão de que estamos abandonados à nossa solidão, e que temos de enfrentar sozinhos grandes dificuldades. Não estamos bastante atentos à presença divina, empenhada, no entanto, em nos sustentar. Ora, quando nos julgamos sós, sentimo-nos fracos e incapazes. Surgem o cansaço e o desencorajamento porque perdemos de vista que o Senhor está conosco.

Faze-nos crer, Maria, nessa assistência invisível de todos os instantes. Acreditaste nela, e experimentaste em tua vida todo o vigor do poder divino que te acompanhava. Ensina-nos a contar com esse poder. Inculca-nos a certeza de que nossa solidão é apenas aparente. Somos sempre dois, pois o Senhor não nos deixa. Ainda que fôssemos abandonados por todos os nossos conhecidos, o Senhor estaria presente, e tanto mais perto de nós quanto mais isolados e desprotegidos.

Quando temos uma missão apostólica a cumprir, e que nos julgamos incapazes dela, encontraremos, na palavra do anjo Gabriel, a confiança e o entusiasmo que encontraste. Certos de que o Senhor está conosco, entregar-nos-emos à tarefa apostólica, deporemos nosso testemunho. E o faremos com a segurança de que o Senhor dará eficácia a nossa ação. Ele está conosco para suprir nossas deficiencias; está conosco para tornar fecundos os nossos esforços. Do mesmo modo que tu, nada teremos a temer.

Dá-nos, Maria, o gozo de nos repetir sem interrupção essa palavra admirável. O Senhor esteve contigo segundo sua promessa; e desde então, está conosco, inseperável de nossa vida humana.


Intençoes para a recitação do Terço:

Virgem tão chegada a Deus,

-faze-nos viver no afeto da presença divina;
-mantém-nos na convicção de que o Senhor nos acompanha em todas as circunstâncias;
-inspira-nos a coragem de tudo empreender, apoiando-nos em Deus;
-aos que estão longe de Deus, faze que sintam quanto lhes está próximo;
-tomando um lugar cada vez maior em nossa vida, aproxima-nos sempre mais do Senhor!

Invocação

Nossa Senhora, que estiveste constantemente na companhia do Senhor, ensina-nos a viver em sua intimidade e a crer em sua presença!

      (1) Preferimos usar o verbo estar em vez de ser, geralmente empregado nas versões de língua portuguesa. De fato nos textos grego e latino não se encontra o verbo expresso. (N. T.)
Compartilhe este artigo :

0 comentários:

Deixe seu comentário

Diga-nos o que voce está pensando... !

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2011. Vas Honorabile - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Inspired by Sportapolis Shape5.com
Proudly powered by Blogger